1° Encontro de Aposentadas e Aposentados Associados ao STIV PDF Imprimir E-mail
Notícias - Vida de Trabalhador
Qua, 19 de Novembro de 2014 18:30

   Neste sábado, dia 22 de novembro, o STIV recebe, no Pavilhão ‘A’ do Parque Municipal de Eventos, centenas de aposentadas e aposentados da categoria, associados ao Sindicato, para uma tarde de muita alegria e confraternização.

    Trata-se do 1° Encontro de Aposentadas e Aposentados Associados ao STIV, organizado com o objetivo de informar, integrar os vestuaristas aposentados e incentivar a participação da categoria em eventos sindicais e sociais. Haverá sorteio de prêmios, tarde dançante com animação da Banda Alma Latina e será servido um gostoso café colonial, sendo imprescindível a apresentação do ingresso, que já foi entregue aos participantes que confirmaram presença. Cada ingresso dá direito a um acompanhante.

    Este deve ser o primeiro de uma série de Encontros onde o STIV pretende dar continuidade ao projeto de valorização e resgate das trabalhadoras e trabalhadores que estão aposentados mas, nem por isso, devem ficar à margem da sociedade, sem lazer, entretenimento e informação.

    A estimativa é de que existam 20 milhões de aposentadas e aposentados no Brasil, número que deve crescer em mais 5 milhões até 2020. Em contrapartida, o número de trabalhadoras e trabalhadores contribuindo com a Previdência Social não vai aumentar na mesma proporção, estimativa que deixa a todos preocupados.

    Outra preocupação do STIV é com o perigo dos empréstimos consignados. No Brasil, em um ano, a inadimplência entre pessoas com mais de 65 anos saltou de 7,3% para 11,91%. Crédito fácil, juros baixos, prazos longos e muitas vezes a pressão da família fazem com que o aposentado faça empréstimos e acabe sem receber praticamente nada ao final de cada mês.

    É preciso ter cuidado com os gastos em qualquer fase da vida para poder aproveitá-la com tranquilidade! Sabemos que o salário não atende, muitas vezes, às necessidades básicas da aposentada e do aposentado e muitos vivem com familiares também para fugir da solidão. A intenção do STIV é proporcionar formas de lazer, ao mesmo tempo oportunizar a troca de experiências e de vivências e, assim, encontrar caminhos para serem trilhados por todos.

 
Novembro Azul PDF Imprimir E-mail
Notícias - Notícias
Ter, 18 de Novembro de 2014 08:23

O STIV apoia o "Novembro Azul", campanha de conscientização realizada no mês de novembro dirigida a sociedade e aos homens sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de próstata e outras doenças masculinas. Nosso Sindicato defende o trabalho desenvolvido pela Sociedade sem Câncer e também apoiou a criação da "Rede Saúde do Homem”, fundada em 2013 com o objetivo de divulgar, informar e conscientizar a população masculina de Jaraguá do Sul e Região para a necessidade de prevenção através do diagnóstico precoce. Durante o mês de novembro a fachada do prédio foi iluminada de azul e os funcionários estão trabalhando com a camiseta alusiva à campanha, todas as segundas e quintas-feiras.
 
Proclamação da República e a formação da classe trabalhadora PDF Imprimir E-mail
Notícias - Vida de Trabalhador
Qui, 13 de Novembro de 2014 13:35

    Neste sábado é feriado em celebração à Proclamação da República, fato ocorrido em 15 de novembro de 1889, no Rio de Janeiro, e que marcou a extinção do regime monárquico no Brasil, dando início à consolidação da democracia em nosso país. Foi assim que tivemos o nosso primeiro presidente, o marechal Deodoro da Fonseca.

    Com o apoio dos republicanos – militares, padres, comerciantes, artistas, estudantes – marechal Deodoro demite o Conselho de Ministros e assina o manifesto de Proclamação da República e D.Pedro II volta para Portugal depois de 67 anos de poder. De lá para cá, a democracia tropeçou, levantou, foi substituída por ditaduras e, desde a década de 80 do século passado, mantém-se relativamente estável no país.
    Mas, o que tem a ver conosco, trabalhadores e trabalhadoras do Vestuário de Jaraguá do Sul e Região, a derrubada do Império? Acontece que foi neste mesmo período que a classe operária começou a se organizar nos países da Europa devido a era industrial. No Brasil, a Proclamação da República deu início ao processo de exploração da mão de obra do campo e dos manufaturados. E o que mudou de lá pra cá? Podemos dizer que muita coisa mudou, principalmente o nível de consciência da classe trabalhadora, que reivindicou e conquistou direitos que preservamos até hoje, como o descanso semanal e uma jornada de trabalho menor, já que no início da era industrial se trabalhava até 18 horas por dia, inclusive crianças e mulheres. A conquista do registro em Carteira também começou a se delinear nesse período em que o trabalhador era esmagado pela máquina da miséria.

    A estimativa de historiadores é de que existiam no Brasil, por volta de 1900, aproximadamente 80 mil trabalhadores urbanos. A classe operária não era muito numerosa, mas muito explorada. Hoje, somos mais de 41 milhões de trabalhadoras e trabalhadores com Carteira assinada e a exploração ainda é muito intensa, apesar de todos os avanços na área dos direitos trabalhistas.

    Apoiada em seus Sindicatos representativos, a classe trabalhadora busca, no dia a dia, a igualdade de forças nas relações de trabalho com os patrões.

 
Novembro ficou azul PDF Imprimir E-mail
Notícias - Vida de Trabalhador
Sex, 07 de Novembro de 2014 12:50

Depois do Outubro Rosa chegou a vez do Novembro Azul, campanha dirigida aos homens e que tem como meta conscientizar as pessoas do sexo masculino da necessidade de prevenir o câncer de próstata. Como não podia deixar de ser o STIVestuário apoia a iniciativa e, a exemplo do que fez com o Outubro Rosa, iluminou a fachada da sede de azul. Em dois dias da semana toda a equipe que trabalha no Sindicato está usando a camiseta da campanha.

Em vários países, o Movember é mais do que uma simples campanha de conscientização. Há reuniões entre os homens com o cultivo de bigodes (ao estilo Mario Bros), símbolo da campanha, onde são debatidos, além do câncer de próstata, outras doenças como o câncer de testículos, depressão masculina, cultivo da saúde do homem, entre outros. O movimento surgiu na Austrália, em 2003, junto com as comemorações pelo Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata, realizado a 17 de novembro. A ideia do Novembro Azul é desmistificar a doença, que, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), acomete um a cada seis homens no Brasil. As estimativas mostram que 69 mil novos casos deverão ser diagnosticados somente em 2014 no país, um a cada 7,6 minutos. Vencer o preconceito é uma necessidade para que haja uma mudança dessa realidade.

Depois do aparecimento dos sintomas, mais de 95% dos casos de câncer de próstata já se encontram em fase avançada. Daí a importância da realização do exame regular através do toque retal e do PSA. De acordo com especialistas, o câncer de próstata rouba do homem 7,3 anos de vida na comparação com as mulheres e isso ocorre porque ele não se cuida. A partir de 50 anos, todo homem deve fazer o exame periódico. Se houver histórico familiar e se a pessoa for negra ou obesa, a recomendação é procurar um urologista a partir dos 45 anos. Aqui em Jaraguá do Sul existe a Rede Saúde do Homem, fundada em 2013, sendo a primeira entidade filantrópica no Brasil a defender a saúde dos homens. O STIVestuário apoiou a iniciativa da Rede, assim como tem apoiado todas as iniciativas que visem melhorar a qualidade de vida de homens e mulheres.

O presidente do Sindicato, Gildo Antônio Alves já foi vítima da doença, mas, felizmente, conseguiu se recuperar graças ao diagnóstico precoce.

 
4º Torneio de Penaltis PDF Imprimir E-mail
Notícias - Vida de Trabalhador
Ter, 04 de Novembro de 2014 09:05

  Torneio de pênaltis exclusivo para trabalhadores(as) vestuaristas, associados ou não.

INSCREVA SUA DUPLA DE 10 A 27 DE NOVEMBRO, pessoalmente na secretaria da Sindicato (Rua Francisco Fischer,60-Centro),
Obrigatório a apresentação de documento que comprove o vínculo com a categoria do Vestuário no ato de inscrição (Ex.: Carteirinha de associado, folha de pagamento, CTPS...).

Para realização do Torneio é necessária inscrição de no mínimo oito duplas em cada gênero.

Não serão aceitas inscrições no dia dos jogos 


 
«InícioAnterior12345678910PróximoFim»

Página 1 de 27
Joomla templates, personal hosting.