Violação de direitos não será tolerada PDF Imprimir E-mail
Notícias - Vida de Trabalhador
Sex, 12 de Dezembro de 2014 08:44

   O STIV vem a público denunciar a atitude fraudulenta do proprietário de uma empresa do ramo do Vestuário que há cerca de uma semana fechou sem pagar os trabalhadores e ainda por cima tentou fugir na calada da noite para não ter que dar satisfações a ninguém.

    Às vésperas do Natal, os trabalhadores ficaram sem salário, sem décimo terceiro, sem férias e sem Fundo de Garantia. Ao todo são 13 trabalhadores lesados, maioria é mulher, sendo que duas estão grávidas. Além dos trabalhadores, inúmeros faccionistas também foram lesados.

    O STIV ingressou com Ação Cautelar em nome dos trabalhadores da empresa MGTEX Indústria Têxtil Limitada (SMT Têxtil). Na sexta-feira (05/12), a assessoria jurídica do Sindicato obteve da Justiça do Trabalho o arresto do patrimônio ainda existente na sede da empresa, localizada no bairro Jaraguá Esquerdo, em Jaraguá do Sul, para garantir o pagamento dos créditos dos trabalhadores. As rescisões dos contratos de trabalho devem ser homologadas no Sindicato, até esta sexta-feira (12/12).

    O Sindicato tem prestado todo o apoio aos trabalhadores e trabalhadoras lesadas por esse patrão inescrupuloso, que não se constrange em fechar a fábrica deixando os funcionários sem nada.

    A diretoria do Sindicato deixa claro que atitudes como essa jamais serão toleradas. Defender os direitos tão duramente conquistados é dever da entidade sindical e obrigação de todo sindicalista que se preze.

 
Natal no Bairro Rio Molha PDF Imprimir E-mail
Ter, 09 de Dezembro de 2014 10:19

    "Uma benção". Assim manifestou-se o presidente da Associação de Moradores do Bairro Rio Molha, Marcelino Gruner, ao comentar o apoio recebido do STIV para a realização do Natal no Bairro, que reuniu centenas de crianças e pais, no campo de futebol do bairro, no sábado (06/12) à tarde. "Este é o segundo ano que contamos com a parceria do Sindicato, nem tenho comentários, é de fundamental importância esse apoio", agradeceu Marcelino. A festa de Natal no bairro Rio Molha é realizada há 10 anos, com o trabalho voluntário dos integrantes da Associação de Moradores, e sempre conta com a presença do Papai Noel, que distribui balas e guloseimas para as crianças.
    O STIV assegurou o aluguel dos brinquedos, de uma barraca (muito útil em virtude do calor forte), além do cachorro quente, distribuído gratuitamente entre os participantes da festa, junto com refrigerantes, sorvetes e uma cesta contendo 21 itens. Durante a festa foram distribuídas 302 cestas. "Neste ano decidimos apoiar a realização do Natal no Rio Molha, como forma de homenagear as crianças daquele bairro e é uma festa maravilhosa que nos enche o coração de alegria", comenta o presidente Gildo Alves, que esteve presente acompanhado de muitos diretores do STIV. O Natal no Bairro é promovido pelo Sindicato, todos os anos, sempre em um bairro diferente".

 
Não se pega Aids dando a mão ao próximo PDF Imprimir E-mail
Notícias - Vida de Trabalhador
Qui, 04 de Dezembro de 2014 08:35

    Na segunda-feira dessa semana, 1° de dezembro, o mundo todo celebrou o Dia de Combate à Aids. A data existe desde a década de 80 e foi criada em Assembleia Mundial da Saúde para reforçar a solidariedade, a tolerância, a compaixão e a compreensão com as pessoas infectadas pelo vírus HIV/Aids. No Brasil, a data passou a ser adotada a partir de 1988 e, passados quase 30 anos, as pessoas infectadas ainda sofrem preconceitos por parte da sociedade, da família e no ambiente de trabalho.

    Até hoje, infelizmente, o portador do HIV tem dificuldade em arrumar emprego e muitos são demitidos quando revelam a doença. O preconceito e a discriminação contra as pessoas vivendo com HIV/Aids são as maiores barreiras no combate à epidemia, ao adequado apoio, à assistência e ao tratamento da Aids e ao seu diagnóstico. Os estigmas são desencadeados por motivos que incluem a falta de conhecimento, mitos e medos. É cada vez mais necessário discutir o preconceito e encontrar formas de conscientizar a sociedade sobre o assunto, pois com preconceito e discriminação não existe como avançar na prevenção à doença.

    Fique sabendo: A Aids não é transmitida pelo beijo, abraço, toque, compartilhando talheres, utilizando o mesmo banheiro, pela tosse ou espirro, praticando esportes, na piscina, praia e, antes de tudo, não se pega Aids dando a mão ao próximo, seja ele ou não soropositivo.

    O Brasil já encontrou um modelo de tratamento para a Síndrome de Imunodeficiência Adquirida, que hoje é considerado pela OMS (Organização Mundial de Saúde) uma referência para o mundo. Agora nós, brasileiros, precisamos encontrar uma forma de quebrarmos os preconceitos contra a doença e seus portadores e sermos mais solidários do que somos por natureza. Acabar com o preconceito e aumentar a prevenção devem se tornar hábitos diários de nossas vidas.

   No início da década de 90 o nosso Sindicato lançou uma campanha de prevenção e conscientização sobre a Aids, envolvendo toda a categoria, com distribuição de material informativo e palestras.

    De acordo com relatório da Unaids (Programa das Nações Unidas para HIV e Aids) o número de infecções com o vírus aumentou 11% no Brasil entre 2005 e 2013, indo na contramão da média global, que apresenta queda. O aumento dos números de casos entre os jovens é alarmante.
Atualmente, estima-se que o Brasil tem cerca de 718 mil casos confirmados de Aids. Santa Catarina é o segundo estado com maior índice de casos registrados (média de 33,5 casos a cada 100 mil habitantes) e, em Jaraguá do Sul, o número de pacientes em tratamento gira em torno de 600.

    Boas práticas de saúde e o uso do preservativo (camisinha) nas relações sexuais impedem a contaminação. Fique atento(a), não fique doente!

 
Torneio de Pênaltis reúne centenas de vestuaristas PDF Imprimir E-mail
Notícias - Eventos
Qua, 03 de Dezembro de 2014 10:04


Mais de 300 vestuaristas e familiares prestigiaram o 4º Torneio de Pênaltis promovido pelo STIV e realizado na tarde de sábado (dia 29), na Recreativa do Sindicato. "A gente realiza este torneio há quatro anos como forma de lazer e integração da categoria e para aproximar ainda mais os vestuaristas de seu sindicato", disse o presidente do STIV, Gildo Antônio Alves, que lembrou, na abertura do evento, da reestruturação pela qual passa a sede recreativa da entidade, localizada no bairro Ilha da Figueira. "Muitas atividades estarão previstas a partir do próximo ano, quando deveremos concluir parte do novo projeto de revitalização da Recreativa", disse Gildo. "O final de ano está chegando com muita alegria para os vestuaristas e com algum dinheirinho no bolso para quem foi premiado no Torneio", finalizou o presidente. Houve premiação com troféu e dinheiro para as duplas classificadas do primeiro ao quinto lugar (os valores variaram entre R$ 200,00 e R$ 600,00. A organização do evento foi feita de forma voluntária pelos diretores do Sindicato. Confira, abaixo, os resultados do Torneio de Pênaltis:

Masculino:
1º lugar: Rudicler Carlos Schirmann (Marisol) e Nerival Gaio (Marisol)
2º lugar: Valdemar Petry (Joamir Leopoldino ME) e Euclides Hister (Malhas Menegotti)
3º lugar: Jackson Stein (Malhas Menegotti) e Eduardo José Heissler (Malhas Menegotti)
4º lugar: Valter de Goes (Malhas Menegotti) e Fabio José Gobbi (Malhas Menegotti)
5º lugar: Daniel Fernando Mallmann (Malhas Menegotti) e Vantuir José Heissler (Malhas Menegotti).

Feminino:
1º lugar: Claudia Andreia Vidal (LMG) e Rosileia Engelmann (LMG)
2º lugar: Josemana Talita Engel (Soletex) e Jessica da Silva (Soletex)
3º lugar: Leila Maria Dalcastegne (Marisol) e Fabiane Affonso Lui (Marisol)
4º lugar: Grazieli Alves de Oliveira (Malwee) e Vanessa Lemes (Malwee)
5º lugar: Sonia Nogueira (Néki) e Luciana R. da S. dos Santos (Néki)
 
Tarde de integração para Aposentadas e Aposentados associados ao STIVestuário PDF Imprimir E-mail
Notícias - Eventos
Qui, 27 de Novembro de 2014 15:31

Tarde de integração para Aposentadas e Aposentados associados ao STIVestuário

O 1º Encontro das Aposentadas e Aposentados Associados ao STIVestuário foi marcado pelo clima de muita alegria e integração entre o público que lotou o pavilhão A do Parque de Eventos, dia 22 de novembro. Aproximadamente 1.200 pessoas compareceram ao Encontro. Familiares, amigos e dirigentes sindicais de todo o estado também se fizeram presentes. Teve baile, sorteio de prêmios e um saboroso café da tarde com direito a bolo decorado com o símbolo do Sindicato nas cores azul e branco.
"Esta atividade é uma maneira de reconhecer o aposentado como um trabalhador e um ser humano que ainda tem muito a oferecer e aproveitar da vida", disse o presidente Gildo Antônio Alves em seu discurso. Ao som da banda Alma Latina a tarde passava rápido enquanto o salão lotava de dançarinos. Quem não dançou, observou e se sentiu feliz por estar ali. 

 

        

 
«InícioAnterior12345678910PróximoFim»

Página 1 de 28
Joomla templates, personal hosting.